papinha de bebê

Oi Amelietes, tudo bem com vocês? Quem escreve aqui é a Nutri Gaby, voltei da licença maternidade!!! E agora meus textos (que serão bimestrais) aqui na coluna Papo de Nutricionista estarão voltados para a alimentação da lactante e lactente, ou seja, mamãe e bebê. Já falamos recentemente sobre a Introdução Alimentar (IA), com a oferta inicial da papa de frutas ou papa doce como é mais conhecida nesse link, e hoje falaremos sobre a Papa principal, ou papa salgada, assim conhecida também como papinha de bebê.

 




 

Após 2 a 3 semanas do inicio da papa doce, começamos a oferta da papa salgada, para que o bebê acostume-se com o paladar e novos sabores. Como o nome diz papa salgada, associamos ao uso de sal, todavia NÃO deve-se adicioná-lo na papa do bebê, utilize temperos naturais como cebola, alho e ervas.

 

Como deve ser a papinha de bebê?

Antes preparava-se uma sopa/caldo com todos os ingredientes e oferecia à criança, entretanto, essa prática mudou, e para que a criança aprenda a reconhecer os sabores e diferentes alimentos, eles devem ser oferecidos separadamente.

 

A refeição deve ser completa e conter os 6 grupos de alimentos, sendo eles:

  • Cereal: arroz, macarrão, fubá, milho, etc.
  • Tubérculo: mandioquinha, cará, inhame, batata doce, mandioca, beterraba.
  • Proteína: carne, frango, ovo ou peixe.
  • Leguminosa: feijão (de todos os tipos: carioca, preto, branco, fradinha), ervilha, lentilha, grão de bico, ervilha.
  • Verduras: alface, couve, espinafre, agrião, mostarda, repolho, etc.
  • Legume: cenoura, chuchu, abobrinha, brócolis, berinjela, etc.

 

Os legumes devem ser higienizados, cozidos e amassados, podendo processar apenas as carnes e verduras, a fim de obter a consistência de purê. Outro ponto importante!!! Pode e deve-se ofertar o ovo para a criança desde o inicio, exceto para casos em que já existe o diagnóstico de alergia.

 

Após preparo, adicionar no prato pronto uma colher de chá de azeite extra virgem. As porções também podem ser congeladas para facilitar a rotina e a correria do dia a dia, mas vamos falar sobre como congelar papinha de bebê no meu próximo post da coluna!

 

Deixo aqui uma tabelinha com exemplos de papinhas completas:

 

papinha de bebê

 

Fico à disposição para dúvidas, troca de experiências e depoimentos! Não esquece de deixar seu comentário aqui abaixo! Espero vocês no meu perfil lá no instagram!!

Beijinhos da Nutri e até o próximo post.

 

Gabriela M. Guerra Goulart é Nutricionista pós graduada em Nutrição aplicada à terceira idade e atua na área nutrição clínica em Limeira/SP, ela divide conosco um pouco do seu dia a dia e dicas valiosas em seu Instagram.

 

 

 

Compartilhe

Deixe um comentário

1 Comentário em "Papinha de Bebê: Dicas para preparar e sugestão de cardápio"

avatar
Sort by:   newest | oldest | most voted
Flavia
Visitante

Obrigado Gabriela pelas dicas, de papinhas eu geralmente fico muito perdida na hora de preparar para minha filhinha bjus..

wpDiscuz